Vereador Reginaldo Carreirinha apresenta pedido de CPI para investigar a Secretaria de Assistência Social

///PUBLICIDADE

///Noticias >> CPI EM BRASNORTE

16 de Outubro de 2019 as 22:21

Vereador Reginaldo Carreirinha apresenta pedido de CPI para investigar a Secretaria de Assistência Social

FONTE: VEJA NEWS

O vereador Reginaldo Martins Ribeiro (PSD) apresentou um pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar supostas violações cometidas pela secretária de Assistência Social, Isabel da Silva Frazão, confirmou a Mesa Diretora da Câmara nesta segunda-feira (14).

No pedido de CPI, o denunciante argumenta que há evidências de estar ocorrendo verdadeira farra na concessão/doação de passagens pela secretaria de Assistência Social. “ato ilegal e fora dos parâmetros jurídicos e normativos de passagens a pessoas que não se enquadram nas normas de regência ou para parentes diretos em flagrante violação dos princípios da moralidade e impessoalidade, além de causar lesão ao erário e em detrimento dos reais titulares do direito às passagens e de assistência social, que são as pessoas carentes e necessitadas do Município de Brasnorte”, diz trecho do requerimento apresentado por Carreirinha.

A Mesa Diretora da Câmara confirmou a apresentação da CPI, mas não pôde informar o número de vereadores que subscreveram o pedido, uma vez que está no momento de conferência de assinaturas. De acordo com o Regimento Interno da Casa, são necessárias, no mínimo, 1/3 (um terço) de assinaturas de seus membros para que a Comissão seja instalada.

 

O autor do pedido faz referência a secretários que estariam usando a estrutura da prefeitura em proveito próprio e para fins políticos, “há evidências de que uma neta da secretária Isabel Frazão teria usufruído de passagens concedidas pela avó para se deslocar à capital Cuiabá sob a justificativa de tratar de assuntos particulares”, diz trecho da denúncia.

  
  

Comente Aqui

Atenção: Comentários com ofensas pessoais, de cunho político e palavras de baixo calão não serão publicados.

///SOCIAL BRASNORTE NEWS

///GUIA BRASNORTE